ESPM lança curso sobre inovação no ensino superior

A Escola Superior de Propaganda e Marketing lança o curso Inovação na Educação Superior: uma nova prática docente para a aprendizagem, em formato de educação a distância (EAD). A instituição passou a adotar um novo Plano Diretor Acadêmico e, a partir dele, implementou um projeto ambicioso de aplicação de diversas metodologias ativas, treinamento de professores, pesquisas com alunos e mudança de estrutura física de salas. Este processo, que ainda está em andamento, resultou em uma série de avanços pedagógicos com importantes melhorias no processo de ensino-aprendizagem de seus alunos. A partir deste conhecimento e, também em função de um crescimento de 80% no número de estudantes no ensino superior brasileiro, frente a um crescimento de 30% no número de professores, que a ESPM criou este curso, único no Brasil com estas características.

O curso oferece muitos dos pré-requisitos para quem pretende ingressar na carreira superior. Além de ter a necessidade de apresentar um bom repertório, é voltado a quem deseja ingressar na carreira docente em nível superior e/ou para atuais professores que buscam se desenvolver em termos didáticos-pedagógicos. Ao final de um ano, os alunos deverão saber definir objetivos de aprendizagem; elaborar planos de aula; selecionar e explorar recursos pedagógicos; desenhar o processo de avaliação da aprendizagem e elaborar instrumentos de avaliação dentro do que há de mais moderno na pedagogia nacional e internacional.

Outro aspecto essencial na carreira docente é o letramento digital, pois os professores precisam dominar diferentes tecnologias para utilizar com seus alunos em diferentes métodos de aprendizagem. O curso oferece estas habilidade e mostra como utiliza-las em diferentes metodologias ativas.

Este EAD foi dividido em quatro módulos. O primeiro aborda teoria e prática da educação de nível superior, com 30 horas; o segundo, as metodologias ativas: métodos, estratégias, técnicas e ferramentas, com 60 horas; o terceiro, avaliação da aprendizagem, com 30 horas e, o quarto e último módulo, docência na educação a distância, com 40 horas.

O curso é coordenado pelos professores Manolita Correia Lima e Danilo Torini. Manolita fez sua graduação em Ciências Sociais pela Université de Paris III (Sorbonne-Nouvelle), mestrado em Sociologia dos Espaços Construídos pela Université de Paris VII (Université Denis Diderot) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Atualmente é professora do Programa de Mestrado e Doutorado em Gestão Internacional (PMDGI), da ESPM e coordenadora do Núcleo de Inovação Pedagógica (NIS), da mesma instituição. Torini é coordenador de pesquisa pedagógica no NIS-ESPM. Mestre em Sociologia pela FFLCH-USP e possui bacharel e licenciatura em Ciências Sociais, pela USP. Torini tem experiência internacional e publicações na área de Educação e Mercado de Trabalho. Dentre as pesquisas conduzidas no NIS, destacam-se: Indicadores do Processo de Implantação das Metodologias Ativas; Diagnóstico dos Estilos de Aprendizagem dos Estudantes da ESPM; Mapeamento dos Estilos de Ensino; Mapeamento das Estratégias de ensino e Aprendizagem e representação Social do Bom Professor e do Bom Estudante.

Com duração de um ano, o curso totalizará 160 horas, que serão distribuídas em 40 encontros por web conferência, das 19h às 21h, às terças-feiras. O início é em setembro e as inscrições irão até o final de agosto. Os materiais complementares e as atividades estarão disponíveis no ambiente virtual de aprendizagem.

Da Redação

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *